As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Adeus imposto velho

Haisem Abaki

24 de fevereiro de 2013 | 17h12

Publicado pela 1ª vez em 27/05/2009
Hoje é 27 de maio, uma data muito importante e esperada com ansiedade. É dia de fazer pensamento positivo e de ficar perto de quem se ama e dar aquele abraço à meia-noite. Dia de usar roupa branca, de estourar champanhe, de pular sete ondas.
Comer romãs e lentilhas também ajuda, além de escolher bem a cor da calcinha e da cueca, dependendo das pretensões para o novo período que chega amanhã. É tempo ainda de fazer promessas, como iniciar o regime e a malhação ou parar de fumar.
A partir de amanhã, tudo o que o trabalhador deeeeeste país ganhar passa a ser só dele. Segundo o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário, os 147 dias entre 1º de janeiro e hoje serviram para o pagamento de impostos engolidos por bocas federais, estaduais e municipais.
É IPI, IR, IPVA, ICMS, IPTU, ISS, entre um monte de outros is. Mas não sejamos ingratos. Na hora da virada, tem gente que só pensa em pedir mais, mais e mais, só olhando para o próprio umbigo.
Vamos agradecer por tudo que recebemos em troca: educassão pública de qualidade, çaúde para todos com ospitais bem equipados, ceguranssa para aproveitar a vida e muitas outras dádivas. É muita felissidade!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: