São Paulo ainda tem 51 cidades sem uma biblioteca pública

Estadão

01 de maio de 2010 | 16h21

No Estado de São Paulo, 51 dos 645 municípios, 7,9%, ainda não possuem uma biblioteca pública municipal. O dado consta do 1º Censo Nacional das Bibliotecas Públicas Municipais divulgado na sexta-feira pelo Ministério da Cultura.

Foram pesquisados todos os 5.565 municípios brasileiros. O estudo aponta ainda que em 2009, 79% das cidades brasileiras possuíam ao menos uma biblioteca aberta. Um alívio para os leitores, pois isso signfica 4.763 bibliotecas em operação em 4.413 municípios.

Segundo o levantamento, em 420 municípios no território nacional, as BPMs foram extintas, fechadas ou nunca existiram.

No ranking dos municípios com mais bibliotecas, a primeira colocação é ocupada pela cidade paulista de Barueri, com 4,07 estabelecimentos por 100 mil habitantes. A capital está na  157ª posição, com  0,51 estabelecimento por 100 mil habitantes.

Veja a lista dos municípios paulistas sem biblioteca pública municipal:

Águas da Prata

Alfredo Marcondes

Araçariguama

Aramina

Aspásia

Bento de Abreu

Bofete

Bom Sucesso de Itararé

Braúna

Cabrália Paulista

Caiabu

Campina do Monte Alegre

Dumont

Embaúba

Euclides da Cunha Paulista

Gabriel Monteiro

Guarantã

Igaraçu do Tietê

Igaratá

Ipaussu

Itapura

João Ramalho

Lavrinhas

Luiziânia

Lupércio

Manduri

Mineiros do Tietê

Morro Agudo

Nova Canaã Paulista

Nova Europa

Nova Luzitânia

Oleo

Orinduva

Palmares Paulista

Pardinho

Pedranópolis

Pongaí

Pontalinda

Porangaba

Queiroz

São João das Duas Pontes

São José da Bela Vista

São José do Barreiro

São Miguel Arcanjo

Serrana

Suzanópolis

Tambaú

Tuiuti

Ubirajara

Urânia

Valentim Gentil

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: