Jeitinho

Estadão

28 de agosto de 2009 | 12h06

As licitações do governo da Paraíba estão mais flexibilizadas. O governador José Maranhão, do PMDB, assinou decreto que tira a obrigatoriedade de todas as concorrências públicas do Estado passarem pelo crivo da Controladoria Geral do Estado (CGE). Pela decisão, já publicada no Diário Oficial, são excluídas da análise dos procuradores estaduais as licitações de pequeno valor. A Controladoria também terá de cumprir prazo máximo de cinco dias úteis para avaliar e liberar documentos de concorrências de obras e serviços de engenharia e de três dias úteis para os demais casos. De grão em grão….

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: