Fonte Nova

Estadão

20 de outubro de 2009 | 13h00

No dia 30 de novembro, o governo da Bahia vai anunciar o vencedor da licitação para a demolição, reconstrução e operação do Estádio da Fonte Nova, em Salvador. O local será palco de jogos da Copa de 2014. A concorrência foi lançada esta semana e a obra toda vai custar R$ 605 milhões. Desse total, o BNDES vai financiar R$ 400 milhões. Podem participar da disputa empresas nacionais e estrangeiras. A Fonte Nova será administrada através de uma parceria público-privada (PPP), modelo que também pode ser adotado em São Paulo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: