Buracaiada

Estadão

22 Dezembro 2008 | 09h52

Em pouco mais de 24 horas de verão e apenas um temporal, trecho de aproximadamente dois quilômetros na Avenida do Estado, entre o Ipiranga e o Cambuci, sentido centro, já apresenta um buraco e dois solapamentos em acelerado afundamendo. O buraco e as depressões no asfalto estão ao lado de saídas de galerias de água pluvial no Rio Tamanduateí e bocas de lobo. São recorrentes todo período de chuvas. Também são velhos conhecidos da Prefeitura da capital, que ano-após-ano não consegue resolver tais problemas.