Afrouxou

Estadão

19 Dezembro 2008 | 08h00

Quem pensa que a máfia dos fiscais na Prefeitura de São Paulo foi extinta está enganado. A propina rola solta nas subprefeituras. Antes do período natalino, o custo era de R$ 3 mil por semana para que grupos de camelôs pudessem trabalhar sem serem fiscalizados. Agora, com a aproximação da chegada do bom velhinho, o preço do suborno subiu um pouco. Há lugares que dobrou. Que maravilha é o espírito natalino. Tem gente trabalhando com licença e muito mais gente ainda sem licença. Rou, rou, rou. É papai noel chegando…