SP, a capital do grafite
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

SP, a capital do grafite

Edison Veiga

29 Março 2017 | 07h24

Foto: Eduardo Longman/ Divulgação

Foto: Eduardo Longman/ Divulgação

A beleza dos grafites paulistanos – e suas simbioses com as pichações – integra, ao lado de cenas nova-iorquinas e berlinenses, o livro ‘Grafite – Labirintos do Olhar’, que o fotógrafo Eduardo Longman e sua filha, a jornalista Gabriela Longman, lançam em abril pela Bei Editora. A foto acima, uma das que constam do livro, é de uma intervenção na Vila Madalena, bairro da zona oeste conhecido por ser reduto de grafiteiros.