Sons e barulhos
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Sons e barulhos

Edison Veiga

09 Janeiro 2017 | 09h12

Foto: Hélvio Romero/ Estadão

Foto: Hélvio Romero/ Estadão

Os sons da Rua Teodoro Sampaio, em Pinheiros, foram objeto de estudo para a arquiteta e urbanista Helena Rodi Neumann. Não os sons produzidos pelos instrumentos musicais vendidos ali – o local é reduto de lojas de violões, guitarras, baterias e outros equipamentos. Mas barulhos de todos os tipos gerados na movimentada via: motores de carros e motos; vendedores ambulantes; o vaivém de pedestres; portas de estabelecimentos comerciais; uma tradicional feirinha de antiguidades (na Praça Benedito Calixto)…

Seu estudo teve dois desdobramentos. ‘Qualidade Ambiental Urbana: a Paisagem Sonora da Rua Teodoro Sampaio’ foi apresentada à Universidade Presbiteriana Mackenzie como dissertação de mestrado. ‘Uma Paisagem Sonora de São Paulo’, por sua vez, virou um livro recém-lançado (Ed. Novas Edições Acadêmicas; R$ 63). Os resultados comprovam que silêncio é fundamental. Segundo a pesquisa de Helena, 99,3% dos moradores da região associam a falta de tranquilidade urbana à intensidade dos barulhos.

Mais conteúdo sobre:

São PauloPinheiros