Só achados
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Só achados

Objetos perdidos ganham exposição

Edison Veiga

16 Junho 2015 | 07h25

Foto: Nilton Fukuda/ Estadão

Foto: Nilton Fukuda/ Estadão


_____________________
Paulistices no Facebook: curta!
E também no Twitter: siga!
_____________________

Telefone antigo, dentadura, trompete, quadro com vários tipos de nós e até um par de alianças estão entre os itens mais curiosos já recebidos – e nunca resgatados – pela Central de Achados e Perdidos do Metrô de São Paulo. Neste mês, em comemoração aos 40 anos da seção, a companhia abriu uma mostra com alguns desses objetos. Tudo selecionado pela artista Marcia Gadioli e organizado em uma vitrine na estação São Bento.

Uma outra ação para divulgar o aniversário do setor está sendo feita com a participação de crianças. Em uma iniciativa inédita, grupos de alunos podem entrar na sala dos Achados e Perdidos – que fica na Estação Sé. A primeira turma, na terça-feira passada, tinha 50 estudantes da Escola Municipal Duque de Caxias.

Em média, 25% de tudo o que é recebido pela Central reencontra seus donos.