Santa em andança
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Santa em andança

Edison Veiga

15 Agosto 2016 | 07h40

Foto: José Patrício/ Estadão

Foto: José Patrício/ Estadão

Cerca de 6,7 mil capelinhas como a da foto rodam, diariamente, de casa em casa na capital paulista – chegando a cerca de 200 mil lares por mês. Trata-se da imagem da Mãe, Rainha e Vencedora Três Vezes Admirável, mais conhecida como Mãe Peregrina.

A tradição das santas itinerantes começou em 10 de setembro de 1950, quando a religiosa Teresinha Gobbo, do Instituto Secular das Irmãs de Maria de Schoenstatt, mandou fazer três capelinhas. Ela escolheu três católicos de Santa Maria (RS) e deu uma capela a cada um, com a missão de fazê-la circular.

O movimento se espalhou pelo País – calcula-se que sejam 140 mil santinhas no Brasil, chegando a 4,2 milhões de casas.

Mais conteúdo sobre:

Igreja CatólicaReligiãoSão Paulo