Pela pinhole
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Pela pinhole

Trailer serve como laboratório fotográfico

Edison Veiga

24 Abril 2017 | 16h41

Foto: Ricardo Hantzschel/ Divulgação

Foto: Ricardo Hantzschel/ Divulgação

Pesquisador e entusiasta das câmeras pinhole (aqueles equipamentos rudimentares de fotografia), o fotógrafo Ricardo Hantzschel criou, há dez anos, o projeto Cidade Invertida. De lá para cá, o grupo – que passou a reunir fotógrafos, educadores e artistas – já percorreu 30 mil quilômetros promovendo atividades culturais ligadas à imagem.

O coração do programa é um trailer adaptado que opera como câmera obscura e laboratório fotográfico (na foto que ilustra esta nota, em ação realizada na Avenida Paulista, em 2016).

Para comemorar uma década de atividades, no dia 30/4 haverá uma série de workshops. O evento inaugural ocorre no Museu da Imagem e do Som (MIS) – em seguida, a programação prossegue na Vila Madalena. Batizada de ‘A Fotografia Como Princípio’, a maratona (com sessões às 10h, 11h, 12h, 14h, 15h e 16h) vai mostrar o processo fotográfico dentro do trailer, estacionado em frente à instituição. Além disso, uma tenda contará com uma câmera lambe-lambe retratando os interessados. Mais informações no site: www.cidadeinvertida.com.br.