Patrimônio cultural em debate
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Patrimônio cultural em debate

Aldeia Indígena do Jaraguá e Fábrica de Cimento de Perus são tema de debate sobre patrimônio de SP no sábado (24)

Edison Veiga

21 de outubro de 2015 | 13h59

Foto: José Patricio/ Estadão

Foto: José Patricio/ Estadão


_____________________
Paulistices no Facebook: curta!
E também no Twitter: siga!
_____________________

Está marcado para sábado (24), o evento Patrimônio em Debate: da fábrica à construção do território da cultura e paisagem Jaraguá – Perus. Será no Centro Cultural São Paulo, a partir das 10h, com entrada grátis. O debate é realizado pelo Dertamento do Patrimônio Histórico da Prefeitura de São Paulo (DPH) e o Movimento pela Reapropriação da Fábrica de Cimento de Perus.

Participam o secretário de cultura da cidade, Nabil Georges Bolduki; representante do Movimento pela Reapropriação da Fábrica de Cimento de Perus, Regina Bortoto; David Martim, da Aldeia Karaí Popygua (Jaraguá). Farão parte ainda da mesa o professor da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP (FAU-USP), Euler Sandeville; a professora da Faculdade de Letras, Filosofia e Ciências Humanas da USP (FFLCH-USP), Simone Scifoni; e, como mediadora, a arquiteta e urbanista Nadia Somekh, diretora do DPH e presidente do Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp).

Na parte da tarde, estão previstas oficinas sobre cartografia afetiva e temática dos territórios em discussão.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.