Para falar grego
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Para falar grego

Edison Veiga

19 de junho de 2014 | 08h07

Foto: Jonne Roriz/ Estadão

Paulistices na Copa: para os alunos da Escola Municipal Amorim Lima, no Butantã, a partida de hoje à noite entre Grécia e Japão terá um gostinho especial. Isto porque, desde fevereiro do ano passado, Grego é disciplina obrigatória para os cerca de 250 alunos do 4.º e do 6.º ano dessa escola. A iniciativa integra um projeto da Pró-Reitoria de Cultura e Extensão da Universidade de São Paulo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: