As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O nome da cobra

Edison Veiga

15 de junho de 2011 | 13h08

FOTO: GIUSEPPE PUORTO/ DIVULGAÇÃO

Nascida em 1º de março, a mais nova moradora do Instituto Butantan será batizada após votação popular. Trata-se de uma jararaca-ilhoa, animal ameaçado de extinção. A votação está aberta: quem for ao Museu Biológico (Avenida Vital Brasil, 1.500, Butantã) pode marcar as opções em uma cédula; quem preferir pode votar pela internet neste link.

São seis os nomes candidatos: Áureo, Yubá, Jack, Fiuk, Homer e Neymar. Quem você acha que vai ganhar?

A cobra. A jararaca-ilhoa é originária da Ilha da Queimada Grande, litoral sul de São Paulo. O local é de acesso restrito e conhecido como “Ilha das Cobras”. O filhote é fruto da terceira ninhada de pais nascidos no Biotério de Viperídeos para Experimentos do Laboratório de Herpetologia do Butantan, e tem nove irmãos.

Por ser um animal de ilha, a jararaca-ilhoa possui hábitos alimentares diferenciados das jararacas do continente. Quando jovens, se alimentam de anfíbios, lagartos e lacraias; adultas, preferem aves migratórias – elas costumam ficar nos galhos das árvores.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.