No Metrô, a artista do beijo
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

No Metrô, a artista do beijo

Edison Veiga

19 de fevereiro de 2013 | 15h21

COM BATOM

Quem gosta de ver experimentalismos artísticos exóticos deve passar pela Estação Paraíso do Metrô na próxima quarta. Ao longo do dia, estará por lá a artista plástica americana Natalie Irish, conhecida por ter desenvolvido uma estranha técnica de pintura de quadros. Em vez de pincel, ela usa os próprios lábios – e muito batom, em vez de tinta.

Na estação paulistana, sua missão será fazer um retrato da mulher brasileira. Natalie tem no currículo quadros “beijados” de personagens mundialmente famosos, como Marilyn Monroe, Elvis Presley e John Wayne, entre outras lendas da indústria cultural americana. O trabalho da artista pode ser conferido no vídeo disponível em http://migre.me/dgnDB.

Desde que ganhou fama internacional, Natalie atrai filas de espectadores para as performances públicas. Ela vem ao Brasil a convite de uma marca de cosméticos – que, obviamente, vai bancar os batons utilizados pela artista beijoqueira.

Publicado originalmente na edição impressa do Estadão, coluna ‘Paulistices’, dia 18 de fevereiro de 2013

Tem Twitter? Siga o blog

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.