As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Igrejas de São Paulo poderão ser visitadas na internet

Edison Veiga

14 Maio 2013 | 04h36

Google está fotografando templos católicos ao estilo ‘Street View’; Sé e Consolação são os pioneiros

[galeria id=6624]

O Google está fotografando o interior das igrejas católicas paulistanas com a mesma tecnologia do Street View. Até agora já foram realizadas imagens da Catedral da Sé e da Igreja da Consolação – o Estado apurou que há intenção de registrar cerca de 15 templos, todos de importância cultural, artística e histórica.

Entusiasta das novas tecnologias – ele atualiza frequentemente sua conta no Twitter, por exemplo – o cardeal arcebispo de São Paulo d. Odilo Scherer demonstra otimismo com fato de as igrejas paulistanas, em breve, poderem ser “visitadas” virtualmente. “Meu apoio a esse trabalho foi imediato, porque me parece algo bem interessante para que as pessoas possam conhecer melhor também o patrimônio religioso que temos na cidade de São Paulo”, justifica-se ele, que autorizou que as fotografias fossem realizadas na Sé e na Consolação como “iniciativa piloto” e afirma que “nada impede que a autorização se estenda para as demais igrejas” sob sua jurisdição. “Temos muitas igrejas bonitas e de valor artístico na cidade”, comenta o arcebispo.

“A Igreja tem grande apreço às novas mídias e vê a necessidade de estar presente nelas”, diz o religioso. “Quando esta ferramenta estiver no ar, as pessoas do mundo inteiro vão poder conhecer as igrejas paulistanas. A visitação eletrônica também vai se tornar um hábito e quem não conhece São Paulo vai poder se encantar com a beleza de nossas igrejas.”

A empresa de tecnologia se recusou a dar mais informações sobre o projeto. Por meio de nota enviada por sua assessoria de imprensa, limitou-se a afirmar que está “sempre trabalhando em vários projetos”, mas, no momento, não há “nenhum anúncio para fazer.”

Patrimônio. Mais importante igreja católica de São Paulo, a Catedral da Sé começou a ser erguida em 1913 – mas só seria inaugurada em 1954, durante as comemorações do IV Centenário da cidade. Tem 111 metros de comprimento, 46 de largura e duas torres com 92 metros de altura. De estilo neogótico, foi projetada pelo engenheiro e arquiteto alemão Maximilian Emil Hehl (1861-1916). Em seu acabamento, foram utilizadas 800 toneladas de mármore. Em seu interior, chama a atenção o imenso órgão de 12 mil tubos.

Obra do mesmo arquiteto Hehl, a Igreja Nossa Senhora da Consolação começou a ser erguida em 1909. Em seu interior, o altar-mor, importado de Paris, destaca-se pela beleza. A igreja guarda várias pinturas relevantes para a Arte brasileira, como as seis obras de Benedito Calixto (1853-1927) e as telas A Natividade, Apresentação do Senhor e Visita de Santa Isabel, de Oscar Pereira da Silva (1865 ou 1867-1939).

[galeria id=6625]

PARA LEMBRAR
Em 2011, o Google lançou o Art Project, um site que permite que o internauta visite virtualmente museus de todo o mundo. No lançamento, havia 17 instituições catalogadas – de 11 cidades diferentes. Entre eles, a National Gallery de Londres, o Museum of Modern Art, de Nova York, e o Museo Reina Sofia, de Madrid. Hoje há dezenas de outros acervos disponíveis. Além de permitir que o internauta passeio pelos museus, o Google disponibiliza algumas obras em “super resolução”, propiciando que sejam vistos detalhes que são difíceis de ser percebidos a olho nu.

Versão ampliada de reportagem publicada originalmente na edição impressa do Estadão, dia 14 de maio de 2013

Tem Twitter? Siga o blog