Da USP para os céus
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Da USP para os céus

Edison Veiga

15 de janeiro de 2014 | 00h26

DO FUNDO DO BAÚ

FOTO: REPRODUÇÃO

Fundado em 1934, o Clube Paulista de Planadores nasceu ligado à Escola Politécnica e ao Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Em seus laboratórios estudantes e professores desenvolviam projetos e construíam aeronaves. O clube começou no Edifício Paula Souza, na Luz, e os voos partiam do Campo de Marte. Depois de passar por Cumbica, Guarulhos, e Cidade Universitária (foto) – foi transferido em 1961 para Jundiaí. A foto é do livro Butantã – Um Bairro em Movimento (Versal Editores, R$ 45), lançado recentemente.

Publicado originalmente na edição impressa do Estadão, coluna ‘Paulistices’, dia 1O de janeiro de 2014

Tem Twitter? Siga o blog

Tudo o que sabemos sobre:

ButantãHistóriaSão PauloUSP

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: