Colônia polonesa
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Colônia polonesa

Edison Veiga

02 Janeiro 2017 | 17h43

Foto: Amanda Perobelli/ Estadão

Foto: Amanda Perobelli/ Estadão

Organizado por um time de especialistas – Benjamin Seroussi, Jakub Szczesny, Mariana Lorenzi, Renato Cymbalista e Roney Cytrynowicz – o livro ‘Quão Polonês Você se Sente Hoje?: Percursos e Desvios Poloneses em São Paulo’ é um inusitado guia (bilíngue, em português e inglês) que mostra as influências do país do Leste Europeu na capital paulista.

Há, por exemplo, monumentos como a estátua em homenagem ao músico polonês Frederico Chopin (1810-1849), instalada na Praça Dom José Gaspar, ao lado da Biblioteca Mário de Andrade – um presente ofertado pelo governo polonês a São Paulo em homenagem ao IV Centenário, em 25 de janeiro de 1954. O livro cita ainda personagens, como o arquiteto polonês radicado em São Paulo Lucjan Korngold (1897-1963); e restaurantes, como o descolado Polska295 (R. Simão Álvares, 295, Pinheiros, 3360-8090).

Lançado pela Editora Narrativa Um, a publicação está à venda na Casa do Povo (R. Três Rios, 252, Bom Retiro, 3227-4015) e custa R$ 20.

Mais conteúdo sobre:

São PauloHistória