Cidade em miniatura
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cidade em miniatura

Edison Veiga

10 Fevereiro 2014 | 00h59

FOTO: ROBSON FERNANDJES/ ESTADÃO

Desde 2005, o escultor paulistano Alexandre Leonato, de 53 anos, dedica-se a criar miniaturas de cartões postais da cidade. “Comecei com o Edifício Altino Arantes (mais conhecido como ‘prédio do Banespa’)”, conta ele. “O primeiro tinha quase 40 cm. Claro que, desse tamanho, fica inviável para o turista levar, fica horrível.”

Com o passar do tempo, o artista foi aprimorando a técnica, reduzindo o tamanho e aumentando o catálogo. Mas a produção cresceu mesmo de 2010 para cá, quando Leonato adquiriu um aliado high-tech: uma impressora 3D. Atualmente, em seu catálogo, ele tem ícones como o Estádio do Pacaembu, a Estação Júlio Prestes, o Edifício Itália, a Catedral da Sé, o Copan, entre outros. Mais recentemente, fez o Monumento às Bandeiras, o “empurra-empurra”, do escultor Victor Brecheret (1894-1955). “Foi com autorização e apoio da família, então tive acesso aos croquis de Brecheret para criar a miniatura”, conta ele.

Os trabalhos de Leonato custam de R$ 30 a R$ 80 em lojas de souvenirs da cidade. Mais informações pelo alexandre.leonato @ uol. com. br ou pelo telefone (11) 4228-4432.

Publicado originalmente na edição impressa do Estadão, coluna ‘Paulistices’, dia 7 de fevereiro de 2014

Tem Twitter? Siga o blog