Anchieta viu tudo (e deixou escrito)
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Anchieta viu tudo (e deixou escrito)

DO FUNDO DO BAÚ

Edison Veiga

22 Setembro 2017 | 07h27

Foto: Tiago Queiroz/ Estadão

Em suas andanças pela região, o padre jesuíta José de Anchieta (1534-1597), considerado um dos fundadores da cidade, encantou-se com a natureza que existia onde hoje é São Paulo. “Há diversas árvores de frutos excelentes para comer-se, muitos de suavíssimo cheiro, e de mui deleitável sabor”, escreveu em carta de 1560. Ele relatou também que, durante tempestades, as habitações da então vila de Piratininga já conviviam com quedas de árvores: “Vacilam as habitações abaladas pelos trovões, caem as árvores e todos se aterram.”

Mais conteúdo sobre:

São PauloHistóriaFloraNatureza