Acervo represado
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Acervo represado

Um museu nada comum

Edison Veiga

16 Janeiro 2017 | 07h39

Foto: Sergio Castro/ Estadão

Foto: Sergio Castro/ Estadão

O acervo deste museu é um lixo – sem nenhuma ofensa. Localizado dentro do Parque Ecológico do Guarapiranga, na zona sul, o Museu do Lixo é uma advertência ao desmazelo e à falta de civilidade do próprio ser humano: ele reúne e expõe tranqueiras que foram resgatadas da represa do Guarapiranga.

Entre os itens mais curiosos e improváveis está até a velha carcaça de um carro vermelho. Mas há ainda vários brinquedos, um bujão de gás, uma geladeira velha, um sofá, uma banheira de plástico, restos de um fogão e obsoletos aparelhos de televisão. No total, são mais de 300 quinquilharias.

A ideia do museu, inaugurado há 17 anos, é justamente conscientizar a população em geral a não jogar lixo em lugares inapropriados. Na época, foi realizado um mutirão que retirou da represa 10 toneladas de resíduos. Isso tudo deste que é um dos mais importantes reservatórios de água potável para o município de São Paulo, construído em 1908.

Museu do Lixo. Estrada da Riviera, 3.286, Riviera Paulista, 5517-6707.
8h/18h (fecha 2ª). Grátis

Mais conteúdo sobre:

São PauloGuarapiranga