A briga dos cachorros
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A briga dos cachorros

Edison Veiga

06 Maio 2013 | 15h48

Estreou no último dia 22 a mostra Dog Art– que expõe em locais públicos da cidade réplicas de cachorros das raças buldogue, daschund, dogue alemão, galgo e vira-lata, com fibra de vidro em tamanho natural. O que parecia uma nova versão da Cow Parade, aquele monte de vacas coloridas que tomou conta das ruas há alguns anos, acabou virando uma queda de braço.

Os organizadores da exposição “bovina” resolveram notificar, extrajudicialmente, os responsáveis pela mostra “canina”. Um dos locais que receberiam os cães coloridos, o Metrô, preferiu não entrar na briga. “A Companhia do Metrô informa que suspendeu a exposição que estava em cartaz na estação Vila Madalena, após receber notificação extrajudicial sobre suposto plágio da obra idealizada pela artista plástica Tânia Sciacco”, diz a companhia, em nota. “No local da mostra foi instalado um cartaz informando aos usuários sobre a retirada das obras de arte por tempo indeterminado até que a artista plástica e os organizadores da Cow Parade entrem em acordo.”

Nos outros locais, a princípio, tudo está mantido. Por meio da assessoria de imprensa, os organizadores da Dog Art informam que já acionaram “os advogados para ver como os dogs podem voltar para as estações de metrô.”