Prefeitura libera mais R$ 159 milhões para construção do Itaquerão
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Prefeitura libera mais R$ 159 milhões para construção do Itaquerão

Diego Zanchetta

20 Dezembro 2013 | 13h12

A Prefeitura de São Paulo liberou hoje mais R$ 159 milhões em incentivos fiscais para a Arena Fundo de Investimentos Imobiliários, futura dona do Itaquerão. Em outubro o governo municipal, após pressão de Andres Sanches, responsável pela obra do novo estádio do Corinthians, já havia liberado R$ 125 milhões. Em abril o depósito foi de R$ 96 milhões.

Ao todo, o fundo de investimentos responsável pelo Itaquerão recebeu, a cinco meses da abertura da Copa do Mundo, R$ 380 milhões em CIDs (certificados de incentivo de desenvolvimento). Ainda faltam R$ 40 milhões. A lei que autorizou a cessão de R$ 420 milhões para a construção da arena corintiana, aprovada pela Câmara Municipal em 2011, é de autoria do ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD).

O Corinthians cedeu à Arena Fundo de Investimentos Imobiliário o terreno que ganhou da Prefeitura e onde está sendo feita a obra, o estádio que será construído e todos os direitos comerciais futuros, “chamados de direitos emergentes”, incluindo renda, naming rights, placas de patrocínio e aluguéis de lojas. Em troca o clube virou sócio do fundo de investimentos.

Os CIDs recebidos pelo fundo da Prefeitura poderão ser adquiridos por empresas do mercado mobiliário para quitação de ISS e IPTU, em 2014. O dinheiro deve ser usado para quitar dívidas da obra, prevista para ser concluída em março. O Itaquerão vai receber o jogo de abertura da Copa do Mundo entre Brasil e Croácia, no dia 12 de junho.

 

Gramado do Itaquerão, previsto para ser entregue em março: mais R$ 159 milhões em incentivos fiscais da Prefeitura