As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Passeios de sábado!

Pablo Pereira

04 de fevereiro de 2012 | 20h05

O ministro entrou no supermercado dos Jardins acompanhado por seu escudeiro, que de terno e gravata caminhava sempre um passo atrás do chefe. Percorreram os corredores lotados de gente sofisticada às compras no sábado pela manhã.

Eram figuras ímpares naquele ambiente informal. Com a longa barba grisalha, terno cinza-chumbo e uma bengala, seguido pelo homem de preto, o ministro chamava a atenção.

Caminharam pelo corredor das massas até a seção das verduras, diante da padaria. Senhoras distintas  e homens de fino trato andavam vagarosos com seus carrinhos por entre as gôndolas de croissants, bolos, rocamboles e geleias de damascos e mirtilos.

Foi quando o escudeiro alertou o homem de bengala sobre a presença de uma senhora, morena, famosa, que estava diante da prateleira dos pães franceses.

-Onde?, perguntou o ministro.

-Atrás do senhor, disse o homem de preto, olhando a morena de soslaio. É ela!

O ministro, então, aproximou-se. A moça mexia num balaio de belas baguetes. Ao lado da elegante mulher, o ministro grandalhão esbarrou no cesto e um pão caiu-lhes aos pés. Gentil, notando o imprevisto e a ilustre bengala, ela abaixou-se prontamente para apanhar o pacote.

-Olá! Tudo bem? disse o ministro, que também se curvara.

-Olá, respondeu ela, com um sorriso (e o pão na mão).

-Ontem mesmo pensei na senhora, emendou o ministro…

.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Jardinssábadosupermercado

Tendências: