As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

No Canadá, mulheres e minorias ganham poder com Trudeau

Pablo Pereira

04 Novembro 2015 | 15h10

O novo primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, tomou posse hoje em Ottawa, numa cerimônia transmitida pela internet. O jovem político, de 43 anos, do Partido Liberal, é filho de um líder histórico daquele país, Pierre Trudeau, que governou por duas temporadas. Na posse, o primeiro-ministro anunciou novidades que deveriam inspirar outros governos. Ele dividiu o ministério (30 cargos) em partes iguais entre homens e mulheres: 50% para cada lado. Outras novidades: quem vai comandar a Defesa é um sikh, Harjit Sajjan, ex-combatente canadense; a pasta da pesca foi para um chefe indígena, Hunter Tootoo; e o ministério da Justiça ficou com Jody Wilson-Raybould, também líder indígena. E há ainda um cadeirante, Kent Hehr, ex-jogador de hóquei, no gabinete. Leia a composição no The Star. Ou ouça na CBC.

 

 

 

 

 

Mais conteúdo sobre:

Canadá