As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Cai notificação da dengue. Mortos e infectados são recorde

Prefeitura divulgou dados da 28ª semana de controle da dengue. São Paulo tem 15.969 casos e mortes chegam a 12

Pablo Pereira

18 Julho 2014 | 16h47

O inverno, felizmente, derrubou a dengue na cidade. Os especialistas explicam que as baixas temperaturas são inimigas do mosquito transmissor. Atualizando os números da temporada, a Prefeitura divulgou ontem, 17, os dados da 28ª semana. São Paulo chega ao recorde de

Documento

.

O ápice da crise ocorreu na 16ª semana do ano, na metade do mês de abril, quando foram notificados 2.508 casos em uma semana. Na semana seguinte (17ª), os registros caíram para 1.793 casos e, a partir daí, foram despencando até chegar a 5 casos informados na semana 27, início de julho, e apenas um caso notificado na última semana (28ª), segundo os dados atualizados ontem pela Secretaria da Saúde do município.

Hoje, olhando-se ainda para o período de pico, é possível ver que a cidade foi atacada por nuvens do Aedes Aegypti com força nunca vista. “Dois terços (66,4%) dos casos estão acumulados em março e maio”, diz informa da Prefeitura. Em 2013, foram 2.617 pacientes contatos de janeiro a dezembro. O pior período dos últimos 5 anos foi o ano de 2010, que registrou 5.866 pessoas com dengue.

A taxa de incidência atual da cidade é de 141,9 casos de dengue para cada grupo de 100 mil habitantes. Segundo o Ministério da Saúde, esse resultado aponta uma contaminação de nível médio.

—————————————————————————————————————————————————

Tabela para entender taxa de incidência

– Baixa  – 0 a 100 casos por 100 mil habitantes 

– Média – 100 a 300 casos por 100 mil habitantes

– Alta – acima de 300 casos por 100 mil habitantes

Fonte: Ministério da Saúde

—————————————————————————————————————————————————-

Mortes. A pior notícia sobre a dengue na cidade na temporada, obviamente, é o rastro de mortes deixado pelo mosquito. Mais dois casos apareceram nesta 28ª semana analisada. “Os novos óbitos são de dois homens, de 43 e de 50 anos, que morreram nos dias 19 e 21 de abril no Tucuruvi, na Zona Norte, e em Itaquera, Zona Leste, respectivamente”, diz informa da Saúde.

Embora as notificações tenham sido reduzidas, até dia 22 a saúde promete ” ações de combate ao mosquito”.

Abaixo, confira os bairros.

Na Zona Leste

– Cidade Tiradentes, Ermelino Matarazzo, Guaianases, Itaim Paulista, Itaquera, São Mateus e São Miguel Paulista

No Centro Oeste

– Lapa e Pinheiros

Na Zona Norte

– Freguesia/Brasilândia, Casa Verde/Cachoeirinha, Santana/Tucuruvi e Vila Maria/Vila Guilherme

Na Zona Sul

– Campo Limpo, Capela do Socorro, M’ Boi Mirim, Parelheiros e Santo Amaro

.

Mais conteúdo sobre:

dengueSão Paulo