As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Anos 50: previsão de clima alterado

Pablo Pereira

16 de maio de 2010 | 17h13

O trabalho de geógrafos da década de 50 sobre o clima paulistano está no livro A Cidade de São Paulo, Estudos da Geografia Urbana (1958). A obra detalha a evolução térmica na cidade. Sobre a chuva fina, diz: “a crônica paulistana do passado registrou (…) o fenômeno, responsabilizando-o pelos invernos extremamente úmidos ou associando-o à primavera, aos dias de ventos frios, que a capital paulista chegou a receber o epíteto de cidade da garoa”. Explica que “a garoa é fenômeno da borda litorânea dos planaltos (…), freqüente no passado, embora venha a desaparecer (…).” Ainda bem que isso ainda não aconteceu.

(texto publicado em O Estado de S.Paulo)

Tudo o que sabemos sobre:

climaGaroaSão Paulo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: