As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

93 assassinatos no mês em SP. A vida não vale nada e a morte nem comove mais

Pablo Pereira

26 Março 2015 | 01h44

O governo paulista anunciou nesta quarta-feira, 25, dados da criminalidade no Estado. Foram 330 mortes no Estado. Na cidade de São Paulo, dizem as tabelas, morreram assassinadas 93 pessoas no mês de fevereiro, um aumento de 8,1% em relação ao mesmo mês de 2014, quando os homicídios registrados chegaram a 86.

Mas olhe bem: essa fria estatística não é de sacas de soja, caixas de sabão ou quilos de papelão para embalagens industriais. A conta é de cadáveres!

É isso mesmo: de 86 cadáveres pulou para 93 cadáveres! Em um mês!

Não só a vida não vale nada nesta metrópole maluca, como a morte já nada representa para a sociedade paulistana. Não há comoção nem indignação diante dessa matança.

É triste, caro leitor. Mas a barbárie pode te encontrar, a ti ou aos teus, ali na esquina.

Cuide-se!

 

Mais conteúdo sobre:

assassinatos