Insegurança e falta de sinalização no Largo da Batata
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Insegurança e falta de sinalização no Largo da Batata

Marcel Naves

06 Dezembro 2016 | 23h51

 

Por falta de coleta, lixo se acumula em esquina do Largo da Batata.

Por falta de coleta, lixo se acumula em esquina do Largo da Batata.

No largo da Batata, em Pinheiros, na zona sul da cidade a falta de segurança tem sido apontada como o principal problema. Mas existem outras reclamações, como a ocupação indevida das calçadas  por bares e restaurantes.

A falta de sinalização é outro agravante na região. Edivaldo de Jesus Almeida é dono de uma floricultura, e diz que diariamente perde uma grande paetê do seu tempo dando informações. “Muitas vezes, a gente deixa de atender a freguesia para orientar as pessoas por aqui. Tudo por falta de placas”. Afirma.

O consumo de drogas na região ocorre a qualquer hora. Para um lojista, que por questões de segurança prefere não se identificar, à implantação de um posto fixo da PM ajudaria e muito. “A gente fica com medo, pois a rotatividade de drogados aqui é grande”, declara.

Na Rua Teodoro Sampaio, 2654, há poucos metros, as queixas ficam por conta de um terreno abandonado. O local está devidamente cercado, mas segundo moradores do entorno é foco de mosquitos, ratos e baratas.

Em nota, a Secretaria de Segurança informou que as policias realizam ações periódicas no local. Dados da SSP revelam que, de janeiro a outubro foram feitas 56 prisões em flagrantes de tráfico.

A Prefeitura ressaltou que realiza os serviços de varrição regularmente. O órgão confirmou ainda que até o fim de dezembro irá instalar novas placas. A respeito do terreno abandonado, o mesmo é particular, por isso seu proprietário será notificado.

Confira abaixo a íntegra dos comunicados emitidos pela Secretaria de Segurança e prefeitura.

SSP

“As policias civil e militar atuam constantemente no local com operações semanais para combater a criminalidade. No último mês, por exemplo, um casal foi preso com haxixe, maconha e cocaína em uma dessas ações. As polícias realizaram 56 flagrantes de tráfico de janeiro a outubro, além de 202 ocorrências de porte de entorpecentes. Quanto aos supostos furtos de mobiliário citados, não há registro no 14º DP, delegacia do bairro. É importante que os crimes sejam comunicados à autoridade policial para a devida investigação e, também, para o correto planejamento de rondas preventivas”.

PMSP

“A Subprefeitura Pinheiros informa que o terreno citado é particular e o proprietário será notificado. Sobre o Largo da Batata, vale ressaltar que o serviço de varrição é feito diariamente. A Companhia de Engenharia de Tráfego elaborou projeto de sinalização do Largo da Batata que contempla a instalação de placas na região de Pinheiros, com a orientação de acesso ao Largo. A previsão é de que este projeto seja implantado até o final de dezembro”.