As soluções dadas pela Blitz Radio Estadão
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

As soluções dadas pela Blitz Radio Estadão

Marcel Naves

18 Julho 2016 | 22h39

Praça Brasil Japão,no bairro do Butantã entregue a população depois de reformada.

Praça Brasil Japão,no bairro do Butantã entregue a população depois de reformada.

A Blitz Rádio Estadão está completando dois meses de atuação em São Paulo. Iniciativa que tem apontado diversos problemas, mas que também vem apresentando soluções. Em Guarulhos, na grande São Paulo, a visita ocorreu na rua Francisco Antunes, que em decorrência do furto de fios ficou por semanas sem iluminação. Uma situação que provocou insegurança e medo entre os moradores, principalmente no período da noite.

Poucos dias após a visita da equipe de reportagem da Blitz, o problema foi resolvido. Para o diretor da secretaria de serviços da prefeitura, Elydio Romano Pacean, uma iniciativa que representa mais um importante canal de comunicação entre o poder público e a população. “Nós temos vários meios onde os moradores podem registrar suas queixas, mas certamente a Blitz Radio Estadão veio para acrescentar”, disse.

Das reclamações que ainda persistem, muitas dizem respeito ao lixo, pontos de descarte irregular de entulho e a falta de segurança. O aposentado Nivaldo Onório de Lima, por exemplo, não está satisfeito com o trânsito na região, que segundo ele precisa de mais fiscalização. Já a moradora Dulce Gregori alega que a falta de poda é um problema crônico.

No começo de junho, a Praça Wilson Moreira da Costa, no bairro do Butantã, se encontrava abandonada. Os brinquedos estavam quebrados, o mato tomava conta do gramado e a frequência era basicamente de criminosos e usuários de droga. Atualmente, após uma ampla reforma, foram instalados aparelhos para a prática de atividades físicas, lixeiras e bancos.

Outra frente de ação na região foram os diversos mutirões feitos no córrego do Sapé, deixando suas águas surpreendentemente limpas. “Graças à atuação da Blitz da Rádio Estadão tivemos condições de ampliar nossa fiscalização e nossos serviços”, afirma o subprefeito do Butantã, Ives Campos Lazarini.

No bairro da Saúde, o incômodo estava por conta de um imóvel abandonado há pelo menos três anos. A casa situada em uma esquina da rua Jaci já havia sido invadida por diversas vezes, e não foram raras as ocasiões  em que foram registrados focos de incêndio. Hoje os acessos à residência foram bloqueados, um muro foi erguido e arames de proteção foram instalados. ” Nós sofremos durante anos com esta situação, somente depois que procurei a Blitz é que nós tivemos tudo finalmente resolvido”, disse Rafael Ferrari.

Ouça a reportagem aqui.