Zé Careca chefiou licitação de painel eletrônico em 2006

Assessor parlamentar foi flagrado pelo 'Estado' marcando presença para vereadores

Diego Zanchetta e Adriana Ferraz, O Estado de S.Paulo

03 Julho 2012 | 23h09

O assessor parlamentar José Luiz dos Santos, o Zé Careca, flagrado pelo 'Estado' marcando presença para vereadores, foi o funcionário designado em 2006 para ser o pregoeiro da licitação para a compra do painel eletrônico da Câmara. À época, o assessor já controlava a frequência dos parlamentares por lista de presença. Sua mulher, Vilma Novaes, diretora do departamento que cuida da recepção do Legislativo, era integrante da comissão que acompanhou a escolha.

O processo que culminou dois anos depois na escolha da empresa Visual Sistemas, de Belo Horizonte, por R$ 999 mil, foi todo conduzido pelo assessor. Apenas outras duas empresas foram classificadas. Logo no início da disputa, em outubro de 2006, uma delas acusou a Visual de não cumprir 11 itens do edital de concorrência, entre eles o fato de a empresa não deixar claro qual tecnologia usaria no sistema de marcação de presença.

A licitação chegou a ser suspensa por Zé Careca. Mas o processo acabou retomado. O assessor saiu em férias na segunda-feira, 2. Procurado na terça-feira, não retornou os telefonemas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.