Vigília marca início das festas pelos 300 anos da descoberta de imagem

Imagem de Nossa Senhora Aparecida foi encontrada nas águas do Rio Paraíba em 1717; homenagens serão feitas nos próximos 2 anos

José Maria Mayrink, ENVIADO ESPECIAL/O ESTADO DE SÃO PAULO

17 Abril 2015 | 19h13

APARECIDA - Uma vigília de jovens que passarão a noite rezando de sábado, 18, para domingo, 19, dará a arrancada neste fim de semana para as comemorações dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora nas águas do Rio Paraíba, em 1717. "Centenas de rapazes e moças vêm de várias cidades", informou d. Darci José Nicioli, bispo auxiliar da Arquidiocese de Aparecida, responsável pela programação.

A vigília começará com a apresentação de uma peça teatral sobre o encontro da imagem e prosseguirá com cantos e leitura da Bíblia, pregações, testemunhos e recitação do terço. Às 11 horas de domingo, a procissão da juventude, acompanhada de bispos da Assembleia-Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), levará a imagem de Nossa Senhora Aparecida para a missa de encerramento na basílica.

D. Darci informou que as comemorações continuarão até outubro de 2017, quando se encerrarão com a presença do papa. "Em 2013, quando esteve aqui na Jornada Mundial da Juventude, Francisco prometeu voltar para o Tricentenário. Temos essa expectativa e estamos nos preparando para recebê-lo", disse o bispo.

Mais conteúdo sobre:
CNBB

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.