Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

São Paulo

São Paulo » Vigilante é baleado em tentativa de assalto em shopping de SP

São Paulo

DANIEL TEIXEIRA/AE

Vigilante é baleado em tentativa de assalto em shopping de SP

Caso ocorreu no Shopping Metrô Itaquera, na zona leste da capital paulista. Após atirar contra a vítima, criminosos fugiram

0

Felipe Resk,
O Estado de S. Paulo

16 Março 2016 | 18h37

SÃO PAULO - Um vigilante foi baleado em uma tentativa de assalto no Shopping Metrô Itaquera, na zona leste, na tarde desta quarta-feira, 16. Os criminosos fugiram. No dia anterior, o Shopping Santa Cruz, na Vila Mariana, zona sul, já havia sido atacado.

Segundo informações da Polícia Militar, os assaltantes tentaram roubar a arma do segurança por volta das 15 horas, mas não conseguiram. Após a tentativa frustrada, os bandidos atiraram contra a vítima, que foi levada ao Hospital Santa Marcelina, também na zona leste, e fugiram.

O caso foi apresentado no 65º Distrito Policial (Artur Alvim). O estado de saúde do segurança não foi divulgado pela PM. De acordo com nota do Shopping Metrô Itaquera, a vítima foi "levada com vida para o hospital público mais próximo".

Também afirma que o crime aconteceu no estacionamento localizado na área externa. "O shopping reitera que acompanha o ocorrido junto à empresa terceirizada responsável pela segurança externa do empreendimento e colabora com as autoridades locais, prestando todos as informações necessárias para o esclarecimento do fato", diz a nota.

Recorrência. Este foi o segundo ataque do tipo em dois dias. Na noite da terça-feira, 15, três homens assaltaram uma loja das Casas Bahia no Shopping Santa Cruz, na Vila Mariana, zona sul. Houve tiroteio com a polícia e um suspeito acabou preso. Ninguém ficou ferido.

Segundo a polícia, os criminosos entraram na loja por volta das 18 horas. O shopping, que tem acesso direto para a Estação Santa Cruz do Metrô, estava lotado. Seguranças do local perceberam a ação e teve início um corre-corre. A polícia foi chamada e logo cercaram todas as saídas do local. Os clientes se esconderam dentro das lojas, que trancaram as portas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.