Uma São Paulo sem ninguém

No ensaio fotográfico de Nina Bruno, não há carro ou pessoa na Avenida Paulista, no Minhocão ou em qualquer rua do centro paulistano. Tudo vazio.

O Estado de S.Paulo

19 Dezembro 2011 | 03h02

"Tive essa ideia na época da Copa, no ano passado", conta a fotógrafa e designer, que é mineira de Belo Horizonte, tem 28 anos e se mudou para a capital paulista em janeiro de 2010. "Reparei que durante os jogos da seleção brasileira a cidade ficava supervazia. A primeira foto do ensaio, que mostra a Rua Augusta deserta, é dessa época", lembra.

De lá para cá, foram dez expedições fotográficas para concluir o trabalho. "Acordava domingo bem cedinho para pegar as ruas vazias", conta. O resultado são 18 surpreendentes imagens que podem ser vistas no link http://migre.me/7b4zg.

Mas há um truquezinho, que ela confessou ao Estado. "Nem sempre as imagens eram completamente sem ninguém. Uma ou outra pessoa eu precisei apagar no Photoshop", admite a fotógrafa, que ainda avalia se vai exibir o material em alguma exposição ou transformar o ensaio em livro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.