Traficante que levava bebê de 10 dias em carro com droga é presa

Quatro pessoas foram detidas por policiais do Batalhão de Ações Especiais da PM ao chegarem em uma chácara em Monte Mor, interior de SP

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

02 Setembro 2016 | 15h45

SOROCABA - Uma mulher acusada de tráfico de entorpecentes levava seu bebê de 10 dias em um dos carros em que 360 quilos de maconha eram transportados. Ela e outras três pessoas foram presas na noite de quarta-feira, 31, em Monte Mor, interior de São Paulo. 

Os criminosos estavam em dois carros e foram detidos por policiais do Batalhão de Ações Especiais da Polícia Militar ao chegarem numa chácara, no Recanto das Palmeiras. No local, também foram encontrados equipamentos e soluções para o preparo de cocaína e crack. A droga, equipamentos e os veículos foram apreendidos.

A polícia acredita que a chácara funcionava como um laboratório para preparo e distribuição de drogas. A mãe detida com o bebê tinha viajado do Mato Grosso do Sul para avaliar a qualidade da maconha. Segundo apuração inicial da polícia, entorpecentes processados na chácara eram levados usualmente para distribuição em cidades daquele Estado. 

O Conselho Tutelar encaminhou a criança para uma casa de acolhimento e ainda está a procura de familiares que possam assumir a guarda do bebê. Caso não sejam encontrados, o destino da criança será decidido pela Justiça.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.