Trabalhadores da Fundação Casa entram em greve na terça

Eles reivindicam aumento de 16,32%, fim do assédio moral e mais segurança no ambiente de trabalho

Solange Spigliatti, da Central de Notícias,

06 Novembro 2009 | 09h19

Os trabalhadores da Fundação Casa, antiga Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor (Febem), vão entrar em greve a partir da zero hora da próxima terça-feira, 10, segundo informações do Sindicato dos Trabalhadores em Entidades de Assistência e Educação à Criança ao Adolescente e à Família do Estado de São Paulo.

 

No mesmo dia, às 10 horas, será realizada uma assembleia geral, em frente ao Complexo Brás, onde será encaminhada aos trabalhadores a nova contraproposta da Fundação Casa. A greve foi decidida em assembleia da categoria no último dia 10.

 

Os cerca de 11 mil trabalhadores da entidade em todo o Estado reivindicam reajuste real de 16,32%, respeito à data base da categoria e mais 84 itens da pauta de reivindicação, como segurança no local de trabalho e fim do assédio moral na Fundação.

Mais conteúdo sobre:
greve Fundação Casa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.