Testemunhas registram ação da polícia durante tentativa de assalto em joalheria de SP

Internautas conseguiram tirar fotos da ação que prendeu sete pessoas em flagrante no Shopping Center 3

Gheisa Lessa e Ricardo Valota, O Estado de S.Paulo

31 Julho 2012 | 12h36

SÃO PAULO - Testemunhas registraram a ação da polícia ao conter uma tentativa de assalto em uma joalheria do Shopping Center 3, na Avenida Paulista, em São Paulo, nessa segunda-feira, 30. Sete pessoas foram presas em flagrante, entre elas cinco homens e duas mulheres.

De acordo com Flávia Durante, que conseguiu tirar fotos da ação com o seu celular, alguns clientes entraram em pânico porque integrantes do grupo teriam se espalhado pelo shopping. Ela afirma que funcionários do cinema chegaram a segurar o público nas salas enquanto a polícia realizava a ação.

O grupo tentou o assalto com a entrada de quatro pessoas, fingindo ser dois casais, na loja. Outros integrantes do grupo faziam a cobertura do assalto do lado de fora da loja. Eles se passaram por clientes e depois de provar algumas joias, anunciaram o crime.

Dois seguranças que estavam no shopping visualizaram a ação dos assaltantes, por volta das 21h30, e acionaram o Grupo de Operações Especiais (GOE). A Polícia Civil afirma que os agentes especiais já investigavam a quadrilha há um mês e monitoravam suas ações.

O grupo estava armado com três revólveres, calibre 38, 357 e 32, além de uma arma de brinquedo e diversos lacres de nylon que seriam utilizados como algemas para imobilizar os funcionários. As armas e objetos apreendidos foram encaminhados à perícia do Instituto de Criminalística (IC), de acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP).

A quadrilha foi levada ao 78º Distrito Policial (Jardins). Os funcionários da joalheria reconheceram os dois casais que entraram na loja. As sete pessoas foram indiciadas por roubo tentado, formação de quadrilha e porte de arma ilegal. O grupo permanece preso, à disposição da Justiça.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.