Sobrinho-neto de Michel Temer é morto

O empresário Antônio Romano Tamer Schincariol, de 34 anos, sobrinho-neto do vice-presidente da República, Michel Temer, foi morto em uma suposta tentativa de assalto na tarde de ontem, em Tietê, interior paulista. Segundo a polícia, ele seguia de carro para casa quando foi baleado. Sem controle, o veículo subiu a calçada e bateu em outro. Até o início da noite, não havia pista do criminoso e a polícia também trabalhava com a hipótese de crime encomendado. Schincariol, que locava máquinas de terraplenagem, era neto de Tamer Miguel Temer, irmão mais velho de Michel Temer.

O Estado de S.Paulo

20 Março 2013 | 02h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.