Felipe Rau/Estadão
Felipe Rau/Estadão

Sobe para 516 número de árvores caídas após temporal em São Paulo

Funcionários da Prefeitura ainda desobstroem vias; trabalho para retirar galhos e troncos do Parque do Ibirapuera vai demorar 15 dias

O Estado de S. Paulo

31 Dezembro 2014 | 11h47

SÃO PAULO - O número de árvores derrubadas em São Paulo após temporal registrado na segunda-feira, 29, subiu para 516 na manhã desta quarta-feira, 31.

A Secretaria de Coordenação das Subprefeituras informou que, por conta das fortes chuvas e da alta velocidade do vento na madrugada de segunda, 360 árvores caíram, o que já representava um recorde de quedas em apenas 24 horas. Na terça-feira, 30, até as 23h59, outras 149 foram contabilizadas. Até as 8h desta quarta, foram mais sete quedas.

Segundo a Prefeitura, mais de 250 destas árvores já foram cortadas para desobstrução de ruas e avenidas da capital.

O Parque do Ibirapuera, na zona sul, onde 25 árvores caíram, foi totalmente reaberto por volta das 8h de terça. A remoção de galhos e troncos, no entanto, ainda deve durar 15 dias, de acordo com a Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente.

Mais conteúdo sobre:
Parque do Ibirapuera temporal São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.