1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Site do governo destaca números desatualizados sobre homicídios

13 Novembro 2012 | 10h 48

Queda na taxa de mortes, ressaltada na página, refere-se a 2011 em comparação com 2010; em 2012, número deve crescer

SÃO PAULO - Em meio à onda de violência que afeta a Grande São Paulo, a página sobre Segurança Pública do site do Governo do Estado de São Paulo destaca dados que apontam "queda recorde no número de homicídios". O texto refere-se a informações sobre os anos de 2010 e 2011, quando houve diminuição na taxa desse tipo de crime. Porém em 2012 a tendência de diminuição nas mortes dolosas deve se inverter.

Em todo o Estado, foram registradas, em 2011, 4.403 vítimas de homicídios dolosos - média de 367 por mês. Neste ano, até setembro, a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo registrou 3.537 vítimas - ou 393 mortos por mês.

Se considerada apenas a capital, o crescimento de assassinatos é mais expressivo, e 2012 já supera 2011 nesse tipo de crime. Durante 2011, foram 1.069 vítimas de homicídios dolosos na capital. Em 2012, o número foi ultrapassado em outubro - dois meses antes do final do ano, com 1.127 casos ao menos.

A página ainda destaca os "investimentos no combate ao crime". De novo, os dados apresentados são relativos a 2011. Informações mais atualizadas já estão disponíveis na página da Secretaria da Segurança Pública do Estado, onde o cidadão pode ver os dados atuais divididos por meses e trimestres.

Outro lado. Questionado sobre a falta de atualização das informações na página do governo estadual, a assessoria de imprensa do Palácio dos Bandeirantes disse que pretende atualizar a página quando o comparativo entre 2011 e 2012 for concluído, o que deve ocorrer somente no ano que vem.

Na página da Secretaria de Segurança Pública do Governo de São Paulo, são divulgadas as estatísticas mensais de homicídios e outros crimes. Entre outras estatísticas, os dados são segmentados por mês e o último mês divulgado foi setembro de 2012.