Sete são presos por lavagem de dinheiro durante operação Scriptus

Seis pessoas foram detidas nos Estados de SP, MG, PR e MS e uma no RJ

estadão.com.br,

01 Dezembro 2011 | 10h02

SÃO PAULO - Sete pessoas já foram detidas na manhã desta quinta-feira, 1, sendo uma no Rio de Janeiro e seis nos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Paraná e Mato Grosso do Sul, durante a Operação Scriptus, que tem o objetivo de prender pessoas envolvidas no processo de lavagem de dinheiro do tráfico da facção criminosa que dominava o Complexo do Alemão, no Rio. Cerca de 200 agentes cumprem 20 mandados de prisão e 24 de busca e apreensão.

A operação teve início a partir da análise de 14 retalhos de papel pautado, com manuscritos do traficante Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira Mar, apreendidos durante a ocupação no Complexo do Alemão, no ano passado. Os agentes puderam descobrir o esquema responsável pela obtenção de grande parte das armas e drogas para a comunidade, além de como era realizada a lavagem de dinheiro.

Segundo as investigações, cerca de dez toneladas de maconha, das 40 apreendidas durante a operação de ocupação, chegaram ao Complexo do Alemão através do esquema montado pelo traficante.

Texto atualizado às 10:29

Mais conteúdo sobre:
complexo do alemão prisão tráfico

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.