Camila Caringe|Estadão
Camila Caringe|Estadão

Semáforos quebrados em consequência da chuva de domingo prejudicam o trânsito nesta 2ª feira

Motoristas relatam que sinalização amanheceu apagada nas avenidas Rebouças e Juscelino Kubitschek

Renata Okumura, O Estado de S.Paulo

22 Janeiro 2018 | 09h09
Atualizado 27 Janeiro 2018 | 01h35

SÃO PAULO – Após a forte chuva que deixou diversos bairros embaixo d'água na tarde de domingo, 21, a população ainda relata transtornos na manhã desta segunda-feira, 22.

Motoristas informam que os semáforos amanheceram apagados nas avenidas Rebouças e Juscelino Kubitschek, na zona sul da cidade. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), às 8h27, 19 semáforos estavam em amarelo piscante ou apagados. Agentes da companhia foram aos pontos citados para amenizar os problemas no trânsito.

No domingo, em razão da forte chuva, o Túnel Águia de Haia, perto do metrô Artur Alvim, na zona leste, e o Túnel Fernando Vieira de Melo, na Avenida Rebouças, na zona sul, foram interditados em ambos os sentidos, por causa de alagamentos.

A CET informa ainda que a pista expressa da Marginal do Tietê está congestionada, no sentido da Castelo Branco, da ponte Atílio Fontana até a rodovia Castelo Branco.

O motorista também precisa ter paciência na pista expressa da Marginal Pinheiros, no sentido da Castelo Branco, da ponte Eusébio Matosos até a ponte do Jaguaré.

Às 8h55, a CET registrava 32 km de lentidão na capital paulista.

No domingo, o temporal derrubou árvores, causou alagamentos em diferentes regiões e chegou a arrastar veículos no Beco do Batman, ponto turístico na Vila Madalena, zona oeste da cidade. A chuva e a forte ventania foi notada com mais intensidade no bairro de Pinheiros, onde o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, registrou o maior volume de precipitação. Foram 68 milímetros de chuva concentrados em cerca de duas horas. Sé, com 37 milímetros, e Itaquera, com 33,6, foram outros pontos onde a chuva também foi intensa.

Segundo o Corpo de Bombeiros, houve o registro de queda de 18 árvores no domingo, principalmente na zona oeste da cidade.

De acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), o tempo amanheceu nublado e abafado, nesta segunda-feira. À tarde, são esperadas fortes pancadas de chuva. A temperatura mínima é de 20ºC e a máxima é de 31ºC. Esta semana será de muito calor com temporais típicos de verão, principalmente à tarde e à noite.

Mande sua notícia - Enfrentou problemas no trajeto? As estações estavam cheias e não foi possível embarcar? Presenciou um acidente ou algo inusitado? Fotografou ou filmou um fato e quer compartilhar? Você pode colaborar com o Estado. Envie vídeos, fotos ou apenas o seu relato pelo número (11) 9 7069-8639. Suas sugestões serão apuradas por um repórter e podem ajudar as pessoas. Participe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.