1. Usuário
Assine o Estadão
assine
  • Comentar
  • A+ A-
  • Imprimir
  • E-mail

São Paulo se programa para blocos de rua após fim do carnaval

- Atualizado: 09 Fevereiro 2016 | 19h 55

Capital tem 55 desfiles previstos para o próximo final de semana

"Quarta feira sempre desce o pano", lembra Chico Buarque em Sonho de um Carnaval. Para foliões paulistanos, entretanto, nem a quaresma interrompe a festa. Cinquenta e cinco blocos estão previstos para agitar a cidade no próximo fim de semana.

"Já estou me programando. Sábado quero estar em um bloco na santa Cecília", diz a estudante Larissa Almeida,  16 anos.

Blocos carnavalescos tomam as ruas de São Paulo
Heloisa Ballarini/ Secom
Haddad acompanha bloco afro

Fernando Haddad, prefeito de São Paulo, e Ana Estela, primeira-dama, acompanham o cortejo Ilú Oba de Min, no Centro

Carioca radicada em São Paulo há menos de um ano, a atriz e produtora Tamires Moreira, 21 anos, está curtindo como nunca a folia paulistana. "É uma atmosfera diferente do Rio,  mas muito legal", comenta. "Claro que irei no fim de semana.  Se tiver carnaval o ano inteiro, vou no ano inteiro. "

Os estudantes de medicina Lucas Vianna, de 21 anos, Lukas Salles,  de 20 anos, e Clara Deucleciano,  de 20 anos, também não deixam de elogiar o carnaval de rua de São Paulo.  "Claro que vamos curtir muito ainda no sábado", diz Vianna. "Estamos indo sempre nos mais movimentados de cada dia", completa Salles, dando a receita de como eles se programam. 

As psicólogas Elisangela Miranda, 41 anos, e Soraya Lima, 52 anos, aproveitam a festa de olho no fenômeno: o paulistano se apropriando do espaço público. "É a ocupação das ruas na versão 2016. Estou adorando e pretendo vir no fim de semana", diz Elisangela. "Vou sempre sob pesquisa,  então ainda não me decidi em qual estarei no fim de semana", afirma Soraya. 

"Todo dia a gente vai. E isso vai se repetir no fim da semana", promete a estudante de moda Beatriz Arevalo, 21 anos. "Em geral, gostamos mais dos menos cheios", avalia a também estudante de moda Elisa Peduti,  21 anos.

"Carnaval só tem uma vez por ano. Então tem de aproveitar. Fui em um bloco por dia, na semana passada e nesta. Vou manter o ritmo no próximo fim de semana", promete o contabilista João Eliezer Alves, de 31 anos.

"Ainda não olhei a programação, mas certamente estarei em mais algum bloco", afirma o bancário Erivaldo Santos, 41 anos.

Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Estadão.
É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Estadão poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os criterios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Você pode digitar 600 caracteres.

Mais em São PauloX