São Paulo lança aplicativo de táxi criado no Rio

App permite que motorista e passageiro negociem o preço das viagens em tempo real, de acordo com horário, local e disponibilidade de carros na região

Roberta Jansen, O Estado de S.Paulo

31 Março 2018 | 16h00

RIO - Será lançado em São Paulo na segunda-feira, 2, o aplicativo SP Táxi – fruto de uma transferência de tecnologia do Rio de Janeiro. Criado pela Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação da Prefeitura (Iplan-Rio), o app Táxi Rio já tem 16, 5 mil profissionais cadastrados na cidade. O município já negocia também a transferência para outras 13 cidades do país, além de São Paulo, entre elas, Campinas e Ribeirão Preto, Recife, Salvador e Brasília.

“O nosso app atende a todas as expectativas de um aplicativo comum, mas com alguns diferenciais. Um dos maiores diferenciais é a segurança, porque todos os motoristas são cadastrados e os trajetos dos taxistas são acompanhados”, explica o presidente do Iplan, Fábio Pimentel de Carvalho.

Uma outra vantagem, segundo Carvalho, é que o aplicativo permite que motorista e passageiro negociem o preço das viagens em tempo real, de acordo com horário, local e disponibilidade de carros na região.

“Como o aplicativo acompanha os trajetos dos taxistas, ele nos fornece ainda vários dados que podem embasar futuras políticas públicas”, afirma o presidente do Iplan. “São várias informações, como os principais deslocamentos, o tíquete médio, quanto tempo roda tripulado, gasto de combustível, a concentração de carros por horário, entre muitas outras coisas”, diz Carvalho “Com essas informações, podemos definir, por exemplo, como posicionar melhor os carros, entender para onde vão os táxis quando chove.”

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.