1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Roubos em São Paulo crescem 41,7% em janeiro

O Estado de S. Paulo

24 Fevereiro 2014 | 09h 01

Crime manteve tendência de alta na capital, na comparação com o mesmo mês do ano passado

Atualizado às 12h04

SÃO PAULO - O número do roubos continua crescendo na cidade de São Paulo no começo deste ano, apontam dados divulgados nesta segunda-feira, 24, pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSPSP). Os roubos de veículos passaram de 3776, em janeiro 2013, para 4635 no mesmo mês em 2014, alta de 22,7%. Os roubos em geral aumentaram ainda mais, saltando de 9463, em 2013, para 13416, em 2014, elevação de 41,7%.

Em todo o Estado, nos primeiros 31 do ano foram registrados 26.987 roubos, ante 20.371 em janeiro de 2013 -- um crescimento de 32,4%.

Na comparação dos mesmos períodos, os latrocínios na capital paulista se mantiveram estáveis, passando de 15, em 2013, para 14 em 2014. O mesmo ocorreu com os homicídios dolosos, que apresentaram ligeira elevação: 98 casos em 2013 e 100 casos em 2014.

Explicações. Segundo o secretário de Segurança Pública, Fernando Grella, o aumento de 32% nos casos de roubos no estado de São Paulo é explicado, em grande parte, pela redução da subnotificação por causa da possibilidade de registro de roubos online na delegacia eletrônica desde o fim do ano passado.

"Do final de novembro para cá, os registros feitos pela internet representam 31% do total de ocorrências de roubos.O índice de roubos como era previsto aumentou, em grande parte pela redução da sub notificação."

Homicídios. Os homicídios dolosos tiveram aumento de 1, 2% em janeiro, com 422 casos registrados. "Nós entendemos que não reflete uma tendência. Estávamos vindo há nove meses com queda, vamos aguardar o comportamento nos próximos meses", disse Grella.