Retirada às pressas evita linchamento

A população local considera Admar um monstro e chegou a cercar o distrito para linchá-lo. Ele foi transferido às pressas ontem, sob forte escolta policial, para Goiânia, onde ficará à disposição da polícia e da Justiça.

, O Estado de S.Paulo

12 Abril 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.