Valeria Cuter
Valeria Cuter

Raio mata 16 bois em fazenda de Botucatu

Bovinos haviam se refugiado sob árvores durante o temporal que atingiu a região; descarga elétrica também rachou uma árvore

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

28 Janeiro 2015 | 18h48

SOROCABA - Um raio matou 16 bois durante uma chuva, numa fazenda do bairro Anhumas, em Botucatu, no centro-oeste do Estado de São Paulo, na madrugada desta quarta-feira (28). Os bovinos de corte haviam se refugiado sob um conjunto de árvores durante o temporal que atingiu a região. A descarga elétrica também rachou uma árvore. 

Os animais da raça nelore estavam em ponto de abate e pesavam em média cerca de 270 quilos, mas a carne se tornou imprópria para consumo. Cada boi valia cerca de R$ 2,2 mil. A prefeitura cedeu uma retroescavadeira para abrir a vala em que os bovinos foram enterrados. O local foi inspecionado pela Secretaria do Meio Ambiente do município.

No início deste mês, oito bois morreram numa fazenda de Angatuba, cidade da região, após uma descarga elétrica ter atingido a cerca de arame da propriedade. Os animais estavam abrigados junto à cerca. Em dezembro do ano passado, 24 cabeças de gado foram vitimadas por um raio em Paraguaçu Paulista, no oeste do Estado. A descarga elétrica atingiu uma árvore no meio da boiada.

Mais conteúdo sobre:
Tempestade Botucatu Chuva

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.