Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

São Paulo » Quase 5 milhões de veículos deixam a Grande SP no carnaval

São Paulo

José Patrício/Estadão

Quase 5 milhões de veículos deixam a Grande SP no carnaval

Fluxo nas rodovias do Estado deve ser intenso a partir da manhã desta sexta-feira e quem for viajar deve evitar os horários de pico

0

Rene Moreira,
Especial para O Estado

05 Fevereiro 2016 | 07h00

Em torno de 4,7 milhões de veículos, na estimativa da Agência de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp), devem deixar a Região Metropolitana de São Paulo pelas rodovias que levam ao litoral e ao interior. Para o caminho da praia, a previsão é de tráfego intenso já a partir da manhã desta sexta-feira, 5, enquanto que nas estradas que levam ao interior o movimento deve disparar a partir das 13 horas.

As concessionárias de rodovias intensificarão a prestação de serviços através do Centro de Controle de Informações (CCI) e haverá reforço nos equipamentos como call box, câmeras e painéis de mensagem. Também será ampliado o número de guinchos, ambulâncias e veículos operacionais. Nos pedágios será realizada a operação "papa-fila" visando a agilizar a passagem pelas cabines.

Os sites das concessionárias terão disponíveis, em tempo real, as condições de tráfego por meio de câmeras ao longo das rodovias. O esquema especial de carnaval funcionará nos 6,4 mil quilômetros de pistas.

Nesta sexta-feira, 5, a expectativa é de fluxo intenso até as 21h na saída da capital paulista. Já no sábado, 6, o movimento estará carregado das 8h às 15h. Para o Sistema Anchieta-Imigrantes, a Ecovias vai implantar às 10h de sexta a Operação Descida (7x3), na qual os veículos com destino ao litoral podem utilizar as duas pistas da via Anchieta e a pista sul da Rodovia dos Imigrantes. A subida é feita somente pela pista norte da Imigrantes.

A previsão é que a operação nessa região continue em vigor durante todo o sábado e até as 12h de domingo. Já na segunda-feira, 8, o tráfego deve aumentar no sentido São Paulo a partir das 15h, horário programado para a implantação da Operação Subida (2x8), que deve seguir em vigor até a 0h da terça-feira, 9.

Nesse esquema, as duas pistas da Imigrantes e a pista norte da Anchieta serão destinadas aos veículos que retornam a São Paulo, enquanto a pista sul da Anchieta ficará à disposição dos motoristas com destino ao litoral.

Cuidado. Para quem sair sentido ao interior, é preciso atenção na Rodovia Anhanguera, altura do km 75, onde o tráfego está lento por causa de um afundamento de pista em Vinhedo (SP), provocado pelas chuvas. Já está em construção uma ponte no local afetado. Enquanto isso, duas faixas da direita estarão bloqueadas e duas da esquerda abertas aos veículos. Mas a AutoBan orienta o usuário a utilizar a rodovia dos Bandeirantes.

Para quem vai ao litoral norte e utilizará a Rodovia dos Tamoios, a previsão da concessionária Tamoios é de que 253 mil veículos trafeguem pelas pistas durante o feriado. Na sexta-feira será implantada faixa adicional, sinalizada por balizadores, para a pista de descida no trecho de Serra a partir das 13h. Para o retorno, na terça-feira e quarta-feira, dias 9 e 10, a pista de subida já terá sua configuração normal, com duas faixas de rolamento.

Somente na saída da capital, haverá 42% mais veículos operacionais para prestar atendimento ao usuário. São ambulâncias, guinchos, caminhões pipa, veículos de resgate, supervisão e apoio.

Contrário. Se o movimento será grande na saída de São Paulo, o mesmo ocorrerá em sentido contrário. Nas rodovias da região de Ribeirão Preto (SP), por exemplo, a expectativa é de aumento de 23% no tráfego de veículos no feriadão de carnaval se comparado aos dias normais.

A saída, na sexta-feira, deve ser o dia mais movimentado, com 102 mil veículos circulando pelos 316,5 quilômetros administrados pela Autovias. A Via Anhanguera (SP-330) deve ser a mais movimentada, com 118 mil veículos no feriado.

Comentários