Polícia estoura galpão com produtos contrabandeados

Foram apreendidos em Juquitiba (SP) mais de 6 mil pacotes de cigarros e cerca de 20 mil DVDs virgens

Ricardo Valota, da Central de Notícias,

26 Novembro 2009 | 04h26

Uma denúncia anônima permitiu que policiais militares da Força Tática do 25º Batalhão estourassem, por volta das 20 horas de quarta-feira, 25, em Juquitiba, região metropolitana de São Paulo, um galpão usado como depósito de produtos contrabandeados.

 

Ao chegarem no galpão, localizado na altura do nº 41 da Rua Adib Miguel Haddad, no Jardim das Palmeiras, os policiais encontraram uma Kombi, repleta de pacotes de cigarros, e uma carreta de porte médio, contendo cigarros e mídias virgens. No total foram apreendidos mais de 6 mil pacotes de cigarros e cerca de 20 mil DVDs virgens. O dono da carreta, um comerciante de 40 anos, foi detido no local no momento em que se preparava para descarregar o material, vindo do Paraguai. A Kombi, segundo a polícia, pertence ao irmão do comerciante.

 

Levado à Delegacia Central de Itapecerica da Serra, cidade vizinha, o comerciante, que foi autuado em flagrante por contrabando e descaminho, crimes pelos quais já responde, afirmou que o galpão é alugado e que o material apreendido seria distribuído na região da 25 de Março, no centro de São Paulo. "Essa rua onde fica o galpão é paralela à Rodovia Régis Bittencourt e é usada como rota para despistar a polícia", afirmou o tenente Salmeron, do 25º Batalhão.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.