1. Usuário
Assine o Estadão
assine


Polícia coloca agentes à paisana em trens para flagrar molestadores de mulheres

Caio do Valle - O Estado de S. Paulo

20 Março 2014 | 11h 45

Ação no Metrô e na CPTM começou há 15 dias, após início de investigação de grupos que partilham na internet relatos e vídeos de assédio

SÃO PAULO - A Polícia Civil informou ter colocado em prática uma operação especial para flagrar homens que abusam de mulheres no Metrô e na Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). A ação ocorre há cerca de 15 dias e todos os agentes andam à paisana. Segundo o delegado Cicero Simão da Costa, titular da Delegacia de Polícia do Metropolitano (Delpom), o objetivo é prender os molestadores em flagrante.

"A orientação é para que ouçam e vejam o máximo possível, para que identifiquem as situações", disse Costa nesta quinta-feira, 20. Ainda conforme o delegado, seguranças do Metrô e da CPTM colaboram na investigação. A polícia não revelou quantos agentes participam da investida, que ocorre em vagões e plataformas, especialmente nos horários de pico.

Tanto homens quanto mulheres policiais estão circulando pela rede. A operação foi deflagrada após a polícia passar a investigar, neste mês, grupos que partilham na internet relatos e vídeos de abusos de mulheres no metrô e nos trens.

Neste ano, 20 homens foram detidos pela Delpom por atos obscenos contra mulheres no sistema. Três deles foram presos nesta semana, depois de serem flagrados molestando ou filmando as partes íntimas de passageiras na Linha 7-Rubi da CPTM e na Estação Sé do Metrô.